MÀRÌWÒ/ IGI ÒPÈ- Dendezeiro (Elaeis guineensis)

Posted by Gunfaremim on 6 de março de 2014

 

Dendê, Fruto do dendezeiro (Elaeis guineensis)

Quem é do Candomblé segue uma série de costumes, que foram (re)criados pelos antigos, e que chamamos de Tradição. Diziam os antigos que a tarefa de apanhar e desfiar as folhas do dendezeiro se restringe unicamente aos homens.. Em algumas casas, essa função é tarefa dos ogans, podendo também ser exercida por outro elemento do sexo masculino e iniciado.

 

 

Dendezeiro- Igi ope

Desfiar o mariwo exige paciência, concentração e muito respeito. Não é uma tarefa corriqueira e feita de qualquer maneira. Dizem que mariwo de verdade sai do miolo da copa, aquela folha bem novinha, verde claro, que ainda nem se abriu. Alguns a chamam de espada ou lança de Ogun. Só após ser desfiada passa a ser chamada de mariwo.

 

Ela servirá como roupa de Ogun e de outros orixás, como Oyá. Uma das cantigas de Ogun nos explica:

E mònriwò l’aso e mònriwò

E mònriwò l’aso e mònriwò.

“Ogún usa roupas feitas de mariwò. O senhor que tem roupas e se veste

Com folhas novas de palmeiras. Essa é a roupa de Ogun.”

 

 

Ogum vestido com mariwo

 

Outra cantiga nos adverte que Ogun é muito violento e que pode ser muito perigoso encontra-lo no caminho:

Ògún àjò e mònriwò, alákòró àjò e mònriwò
Ògún pa lè pa lóònòn ògún àjò e mònriwò
Elé ki fí èjè wè.

“Ogun o senhor que viaja coberto de folhas novas de palmeira,

Ogun mata e pode matar no caminho, ogun viaja coberto por

Folhas novas de palmeira, é o senhor que toma banho de sangue.”

 

Na seguinte cantiga observamos que o mariwo também serve para que Ogun afaste as coisas ruins, como as guerras, confusões e negatividades (eguns), e nos traga a tranquilidade dos caminhos abertos:

Ògún ní kòtò gbálé mònriwò, àwúre
Ògún ní kòtò gbálé mònriwò, àwúre.

“Ogun é o senhor da arena (briga) que varre a casa
Com folhas novas de palmeira, nos dê boa sorte.”


Alguns dizem ainda que a principal função do mariwo na entrada das casas de Candomblé e quartos de santo é garantir que Ogun reconheça o espaço como sagrado e proteja a todos os que lá se encontram, jamais deixando que sua ira recaia sobre o Egbé (Comunidade do Terreiro). O mariwo acalma Ogun e abranda a sua cólera.

Folhas de dendezeiro

 

O mariwo está ligado a Ogun assim como Ogun está ligado ao culto das árvores. Entretanto a árvore do qual se extrai o mariwo, o dendezeiro (Elaeis guineensis) pertence aos orixás da Criação, chamados Funfun, pois a cor branca é uma de suas principais insígnias. O Igi òpè, nome iorubano do dendezeiro, é uma árvore primordial. Já existia quando Obatalá e Oduduwa iniciaram a missão de criar o Aye (Terra), na verdade o igi òpè guarda consigo a essência desses orixás. Por isso era vetado a Obatalá beber do seu sumo, pois estaria bebendo o próprio sangue.

 

 

Saudoso Pai Flávio de Oguian

Existe um ditado que aprendi com Pai Flávio de Oguian que diz: “Ògbèri nko mo màrìwò”. Ou seja, aquele que não é iniciado nunca saberá o mistério do mariwo. Por mais que alguém que não seja iniciado possa ler, escutar e até ter acesso a determinadas informações sobre o culto dos orixás jamais conseguirá realmente ter acesso ao awo, ao mistério verdadeiro. Às vezes penso que muitos iniciados também estão deixando de entender o mistério por detrás do mariwo.. enfim..

Também cantamos para essa folha:

 

Biribiri bí ti màrìwò

Jé Òsányìn wálè màrìwò

Biribiri bí ti màrìwò

Ba wá t’órò wa şe màrìwò

 

“Na escuridão. Màrìwò traz luz

Màrìwò deixe Òsányìn ir para casa

Na escuridão. Màrìwò traz luz

Màrìwò ajude-nos com nossos projetos.”

 

Dizem que o mariwo se desfia bem fininho, sentado no banquinho ou na eni:

Tínrín tínrín tínrín

Màrìwò

Jókó sán yà Le

Màrìwò

 

“Bem fininho, mariwo. Sentado, cortamos e separamos, mariwo.”

 

E ainda uma cantiga que relembra um embate entre o orixá das lutas e o das folhas:

Tintin ni tintin màrìwò Òsányìn

Ìto ni t’obe iwale

Tintin ni tintin màrìwò Òsányìn


“Pequeno, pequeno, mariwo de Ossaim./Pontiaguda é a faca que cava o chão.”

 

 

Ossaim, orixá das folhas

 

Dizem que até hoje  Ossaim pergunta:

Kíni l’o fònse

Màrìwò

“O que estão fazendo? É mariwo.”

Mas tem quem cante:

Kí l’o fon ise

Màrìwò

Ilò fon ise

Màrìwò

“Por que desfiar o mariwo assim? O costume manda fazer assim o mariwo.”

 

E assim aprendemos com a Tradição.. Por que será que tanta gente teima em fazer diferente do que aprendeu então? Talvez porque ainda não descobriram o verdadeiro segredo que se esconde por detrás do mariwo..

 

TEXTO ESCRITO POR JONATAS GUNFAREMIM

4 Responses to MÀRÌWÒ/ IGI ÒPÈ- Dendezeiro (Elaeis guineensis)

  1. bemileke

    mojuba,bom dia gostaria que me fosse passado quais as folhas usadas no s~bão da costa africano ,porque perguntei a vários babas mas não souberam me responder ou ficaram naquela que não podem falar porque isso e um segredo.desculpa meu pensamento mas acho isso um hipocrisia total como não divulgar, se os babas não passarem a nossa querida religião morrerá.desde já obrigado

    • Gunfaremim

      Caro irmão Bemileke, o sabão da costa pode possuir diversas composições. Estou escrevendo um post a respeito e publicarei em breve. Motumbá.

  2. fernanda santos

    oi gastaria de saber se existe outros tipo de dendeseiro

  3. valter Franco

    Motumbá axé
    Sou Ogã e preciso de folhas de mariwo para nosso Ilê, saberia informar onde encontro em São Paulo? ?
    Agradeço muito por qualquer informação
    Valter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>